As regras da CVM estabelecem alguns limites em termos de valor de investimento, que enquadram o investidor em três categorias: comum, intermediário e qualificado. 

Saiba o que significa cada uma dessas categorias e onde você se encaixa:

  • Investidor Qualificado: aquele que possui mais de R$ 1.000.000 em investimentos financeiros. Para este, não há restrições nos valores permitidos a serem investidos por meio da INCO. 
  • Investidor Intermediário: caso o investidor possua renda bruta anual ou um montante de investimentos financeiros que esteja entre R$ 100.000 e R$1.000.000, a quantia total que ele pode investir em valores mobiliários ofertados com dispensa de registro nos termos da Instrução CVM 588 fica limitado a 10% (dez por cento) do maior destes dois valores por ano-calendário. 
  • Investidor Comum: para o investidor que possua até R$100.000 reais em aplicações financeiras, o máximo permitido pela CVM para o investimento na INCO é de R$10.000 por ano-calendário.

Fique atento à esses critérios e preencha as informações corretamente em seu painel do investidor na plataforma da INCO. Assim você evita qualquer problema e pode fazer seus investimentos tranquilamente!

Encontrou sua resposta?